Não sei se tive azar nas escolhas ou se eu entendi errado tudo aquilo que a vida queria me ensinar, só sei que cheguei num determinado momento da minha vida em que eu tinha certeza absoluta de que meu destino seria trabalhar feito uma condenada para pagar as contas e sobreviver até o fim do mês… e quem sabe laaaa na frente eu poderia finalmente ser feliz. Naquela época, o meu lazer se resumia a ficar em casa num final de semana sem ser incomodada. Para mim, ser saudável era conseguir acordar sem nenhum problema de saúde e achava que auto estima era uma coisa legal, e eu até tinha alguma coisa, mas jamais seria bonita o suficiente para atender os padrões de beleza impostos pela mídia brasileira. Eu também não poderia me colocar como prioridade, porque então eu estaria sendo egoísta. Imagina só eu pensar nas minhas prioridades, sendo que eu tinha muitas pessoas a minha volta para ter que agradar antes de mim? Seria muito egoísmo mesmo!!! Sem mencionar aquelas pessoas em que eu fiz das tripas coração para conseguir agradar e td que levei em troca foi uma bela de uma invertida. “Deus me livre confiar em alguém de novo!!!”! E assim foi, dentre outras coisinhas que me incomodavam aqui e ali… até conseguir ficar muito doente. Uma ansiedade absurda tomava conta de mim e se manifestava através de uma dor semelhante a uma espada perfurando o meu peito. Eu até quis buscar ajuda no começo, mas parecia que era só frescura, afinal meus exames eram perfeitos. Pura coisa da minha cabeça! Um dia caí de joelhos de tanta dor e me disseram que era apenas a “espinhela caída” e só uma benzedeira poderia me curar. Fui na benzedeira. Depois recorri à profissionais… tomei medicamentos até ficar de saco cheio e jogar todos eles fora, pois eles me deixavam ainda pior. Então, por um tempo, desisti. Até que um dia, cansada das dores no peito que não iam embora nunca, dos ansiolíticos e dos profissionais que só me escutavam e não diziam absolutamente nada de útil (nada contra a profissão, muito pelo contrário! Eu é que tive muito azar em encontrar apenas péssimos profissionais pelo caminho)… resolvi desabafar minha situação com uma amiga. Imediatamente, ela me apresentou à Adriana via Facebook e, por muito tempo ficou por isso mesmo. Rs… Eu até acompanhava seus posts e pensava comigo mesma “Essa aí não bate bem!!!”. Onde já se viu tomar floral pra curar um negócio que nem os medicamentos de tarja preta que eu tomava não resolveriam?
Em algum momento eu não concordei mesmo com alguma coisa que ela postou, então a chamei inbox e soltei o verbo! Se tinha uma coisa que eu adorava fazer naquela época era isso: Soltar o verbo! Rs…  Enfim, a reação normal das pessoas era sempre de me responder com uma certa rispidez. Mas para a minha surpresa, ela não. Ela me respondeu com tanta doçura que eu acabei ficando meio perdida e não sabia mais o que dizer. Então, voltei para dentro da minha penumbra… pois não havia graça alguma em discutir com quem não estava afim! Rs… o que eu não sabia é que naquele momento ela havia plantado uma sementinha de luz em mim. Eu estava tão fechada para um novo caminho, que nem sequer percebi! Mas, conforme os dias foram se passando essa luz começou a querer crescer aqui dentro. Uma luz dentro daquele azedume todo era um tanto quanto incômodo! Haha… era tão insistente que decidi definitivamente tentar algo novo e me entregar às “maluquices” desta menina… que com todo seu amor me acolheu, me acalmou e me ensinou a recuperar uma essência que eu nem sabia que existia: a minha!!!!
Desde que começamos esta caminhada juntas, eu consegui destruir muitas crenças destrutivas, superar traumas, enfrentar minha sombra e lutar contra os dragões da minha mente. Não foi nada fácil! Foi um passinho pequenininhozinho de cada vez. No início eu estava relutante, mas ao perceber os resultados, passei a me entregar por inteiro para que eu pudesse me salvar de mim mesma. E uma das conquistas mais lindas de todas foi quando consegui recuperar a minha fé! Fé em Deus, no meu anjo da guarda e fé em mim mesma!!! A partir deste dia, a entrega foi de corpo e alma e as transformações passaram a acontecer de uma maneira muito mais rápida e muito mais linda na minha vida! Eu até ganhei “super poderes” rs… se quiser saber quais, busque pelo meu depoimento anterior.
Depois desta jornada nem tão longa assim (pouco mais de 1 ano), eu passei a me referir à minha vida antes dos Florais de Bach como a “Ju de antes”. Pq sim, é como se outra pessoa tivesse se apossado de mim e eu só tivesse conseguido reassumir o controle da minha vida agora!
E agora que resgatei minha essência, eu aprendi a me tratar com o mesmo amor que trato cada pessoa que amo. Descobri que adoro ajudar os outros, mas que antes preciso estar completa para poder fazer isso com maior eficiência… por isso devo me colocar sempre como prioridade! Não por egoísmo… mas justamente para conseguir doar minha luz e poder ajudar de verdade, sem precisar receber nada em troca. Percebi, também, que era uma perda de tempo imensa me preocupar com que os outros pensam de mim… sendo que o que importa de verdade é seguir o meu coração. Vejo no espelho uma mulher perfeita até nas imperfeições, pois elas são marcas que fazem parte da minha história.  Constatei que a felicidade é o agora e para isso tenho que estar mais presente no presente. Pq se eu não estiver, deixo de receber os presentes que o universo me da a cada instante! É como o próprio nome já diz: PRESENTE. Aprendi que ser saudável não é apenas não ter nenhuma doença e sim estar em um equilíbrio constante entre corpo e mente. Consegui entender que descansar num fds é bom, mas passear e estar em companhia das pessoas que amo é tão bom quanto!  Aprendi tanta coisa, que eu me estenderia demais neste depoimento, que já está muito comprido!!! Rs… por teimosia, custei muito a aprender tudo isso! Mas aprendi! E hoje eu me sinto e SOU muito mais livre, muito mais leve, muito mais grata, muito mais calma, generosa, amorosa… muito mais amada por mim mesma… e o mais importante de tudo é que hoje eu me sinto e SOU MUITO, MAS MUITO MAIS FELIZ!!! E como consequência por estar com o coração aberto para receber todas as maravilhas que o universo tem para me oferecer, eu tenho atraído todas as coisas boas que eu sempre almejei, inclusive mais seres de luz para poder compartilhar esta minha experiência. E vc que está lendo isto agora é um deles! Gratidão por poder compartilhar contigo este momento tão lindo da minha vida! Que este depoimento toque lá no fundo do seu coração e que vc não tenha mais dúvidas de que vc tb é a pessoa mais importante do mundo❤

Gratidão, Adriana, por tudo isso e muito mais! Que vc continue plantando e despertando a luz de cada “Ju de antes” que encontrar pelo seu caminho. Espero que um dia vc admita que é um anjo que está disfarçada de gente para nos ajudar!!! Rs… sua linda❤

Gratidão, gratidão, gratidão!!!!!!!

Muito amor e muita luz pra ti, minha querida!!!

Um beijo!!!!!❤

Adriana Souza é Coach de Corpo e Alma e Especialista em Florais de Bach.